Categoria
Compartilhe

Compartilhe por email

Preencha o nome e email para quem você deseja compartilhar

Com as vendas em forte queda, o setor calçadista foi um dos que sofreram na pandemia. Ao menos até a adaptação de produtos e de canais de venda por parte das empresas. A retomada, no entanto, começa a acontecer para algumas empresas. Marca gaúcha de calçados femininos, a Piccadilly vendeu 525% mais em volume no primeiro semestre do ano na comparação com o mesmo período do ano passado. O número de pares de calçados, no entanto, não foi informado pela empresa à coluna. A base da comparação, claro, é baixa devido à crise, mas o avanço é comemorado. A calçadista informa ter optado por manter a aposta em produtos confortáveis. 

— As pessoas viveram a experiência de usar a moda comfy com chinelos, pantufas e tênis. Com a retomada da rotina fora de casa, as mulheres estão buscando produtos confortáveis de todos os tipos — explica a presidente Cristine Camila Grings.

Outra bandeira levantada pela empresa é a da sustentabilidade. Um modelo novo de tênis é produzido com 3,5 garrafas PET recicladas. Já outro lançamento é um tamanco produzidos em EVA, um material reciclado.  

— Temos um comitê de sustentabilidade para monitorar a empresa, compramos energia elétrica de fontes renováveis, temos logística reversa, nossa matéria-prima não tem origem animal, etc.  

Novos empregos começaram a ser gerados pela Piccadilly. Ao todo, foram contratados 80 novos funcionários para atuar nas fábricas de Rolante e Teutônia. A produção também aumentou em 40%. Hoje, são produzidos 25 mil pares de calçados por dia. 

— O movimento das vacinações, principalmente em algumas regiões do país, deu o fôlego que estávamos precisando para começar a voltar para um cenário antes da pandemia   — finaliza Cristine.

A Piccadilly tem 66 anos de atuação no mercado e emprega 2 mil funcionários. Ano passado, no auge da crise, a empresa fechou a fábrica que tinha em Santo Antônio da Patrulha e reduziu a operação da matriz, em Igrejinha. Recentemente, a coluna noticiou os planos da empresa de abrir 150 franquias em cinco anos. Relembre: Calçadista gaúcha fundada na década de 50 planeja abrir 150 franquias em cinco anos

Fonte: GZH



Categoria
Compartilhe

Compartilhe por email

Preencha o nome e email para quem você deseja compartilhar

JÁ SOU CLIENTE

Acesse sua conta mais rápido! Faça seu login com o Facebook.
*O e-mail cadastrado deve ser o mesmo da conta do Facebook.
E-mail
Senha

NÃO SOU CADASTRADO

Faça seu cadastra de forma rápida e fácil, basta logar com o Facebook.
E-mail
Primeiro nome

Esqueci minha senha

Preencha seu e-mail abaixo. Você irá receber uma nova senha por e-mail.
E-mail

OPS!